quarta-feira, dezembro 24, 2008

FELIZ NATAL 2008

Amigos dessa tão emocionante jornada,
Eis que mais uma vez estamos no Natal, o tempo as vezes parece que passa tão rápido, mas também nos deixa a sensação de passar tão devagar, mas enfim estamos ai firmes e fortes.
Hoje recebemos um e-mail de nossos amigos Filipe e Jana dizendo que ontem de manhã eles checaram o e-CAS e eis que o endereço deles apareceu na telinha, dessa forma eu que havia me auto me prometido para mim mesmo que não olharia o e-CAS antes de 2009 quebrei minha promessa e fui lá checar, e não é que o nosso endereço também apareceu na telinha!!!
Nooossssa foi só alegria aqui em casa, tá eu sei que foi só o endereço na tela, mas acontece que a gente sabe que na grande maioria dos casos quando aparece o endereço no e-CAS significa que os pedidos de exames médicos estão a caminho e isso já nos deixou bastante felizes.



Bom queridos amigos, do fundo de nossos corações lhes desejamos um Natal repleto de paz, harmonia e mais do que tudo muita saúde.

E que 2009 possa vir repleto de novas realizações com muita alegria e também saúde sempre!

E que venha o Québec!!! E que o próximo Natal seja postado diretamente das terras do norte!



Um beijo muito grande e abraço fraternal!


São os mais sinceros votos de Ricardo, Rosangela, Fernanda e Filipe

sexta-feira, dezembro 19, 2008

Para quem vive ou vai viver em Montréal e Região - Guia Brasil

Olá amigos de jornada,

Aos que moram em Montréal e região, e também aos que pretendem morar por lá, estamos divulgando o Guia Brasil, um website feito por Brasileiros e direcionado à Brasileiros que vivem nessa região.

O idealizador foi Flavio Lima que é um corretor de imóveis da região, o site acabou de entrar no ar e ainda não tem muito conteúdo a nível de anúncios, mas agora depende da divulgação para que haja uma maior difusão do site, como se trata de um espaço aonde se pode anunciar gratuitamente achamos bem interessante e estamos dando apoio e divulgando.




Guia Brasil.ca - O melhor do Brasil e Montréal


Então, sabe aquele móvel que você precisa vender? E a TV que você está procurando? Ah e também o apartamento que você quer? Sem falar do seu atual apartamento que você terá de passar o aluguel pra frente, então essa é uma boa oportunidade para você divulgar gratuitamente para os Brasileiros que já estão em Montréal e região e também para aqueles que estão para chegar.



Visite, pretigie, faça um anúncio gratuíto e encontre o que você precisa!



Um grande abraço e até mais,



Ricardo e Rosangela

quarta-feira, dezembro 10, 2008

Canadá - A recessão existe ou não?

Amigos de Jornada,

Enquanto esperamos os nossos pedidos de exames médicos vamos fazendo nossas pesquisinhas básicas, planejando, cheretando aqui e ali, mas uma coisa que ficou muito na nossa cabeça e bem sabemos que muitos estão nesse mesmo barco, é saber quão afetado está o Canadá pela atual crise global.
Até então na havíamos visto nada muito relevante no que diz respeito ao Canadá especificamente, o que temos visto nos blogs e ouvido de alguns amigos é que não houve um reflexo muito significativo no cotidiano.

Bom, hoje vi no Yahoo! Groups Canadá Immigration Brasil, uma matéria que vou reproduzir exatamente como foi veiculada no grupo. Abaixo segue a matéria:


Canadá corta juros e assume recessão

Ottawa, 10 de Dezembro de 2008 - Depois de admitir pela primeira vez que o Canadá está entrando em recessão, o Banco Central canadense cortou ontem sua taxa de juro referencial em 0,75 ponto percentual para 1,5%, o menor nível em 50 anos, de acordo com informações do site do jornal The New York Times.

A ausência de crise hipotecária e bancária no país ao norte dos Estados Unidos oferecia alguma proteção contra a desaceleração econômica. Mas a queda radical nas exportações para os Estados Unidos, particularmente de automóveis e autopeças, combinado com o colapso nos preços de energia e commodities, acabaram com o isolamento do país.

"Se a economia do Canadá evoluiu amplamente, conforme as previsões, durante o terceiro e o início do quarto trimestres, está agora entrando em recessão como resultado da debilidade na atividade econômica global", informou o BC canadense em comunicado divulgado ontem. "Os recentes declínios em termos de comércio, de crescimento real da renda e de confiança estão induzindo comportamento mais cauteloso por parte das famílias e das empresas."

O nível de preocupação da autoridade monetária foi ressaltado pela extensão do corte da taxa de juros de ontem. A maioria dos economistas havia antecipado corte de 0,50 ponto percentual.
A nota pode inflamar mais um debate econômico que tem criado turbulência política no Canadá. O governo conservador do primeiro-ministro Stephen Harper fechou o Parlamento na semana passada para impedir a votação de um programa econômico anunciado em novembro.

Os partidos da oposição, que superaram os votos do governo no Parlamento, condenaram a falta de estímulo econômico significativo do plano e formaram uma coalizão para derrotá-lo. Assim como os legisladores norte-americanos, os políticos canadenses também lidam com pedidos de ajuda financeira das montadoras, embora a portas fechadas.

A produção de carros contribui proporcionalmente mais para o setor de produção do Canadá do que nos EUA. Embora as solicitações das montadoras para os governos do Canadá e de Ontario, onde a maior parte do setor está sediada, não sejam públicas, notícias divulgadas pela imprensa informam que os pedidos por empréstimos, garantias de empréstimos e linhas de crédito das uni-dades canadenses da Ford, General Motors e Chrysler totalizam 6 bilhões de dólares canadenses, ou perto de US$ 4,8 bilhões. As fabricantes de autopeças também estão pedindo ajuda.

Ontem, o The Globe and Mail, jornal de Toronto, noticiou que a Chrysler ameaçava fechar duas linhas de montagem em Ontario que empregam cerca de 8 mil pessoas, se não receber US$ 1,3 bilhão de ajuda. O diário informou que em um documento encaminhado para os governos, a Chrysler indicou que vai transferir a produção para os EUA.
(Gazeta Mercantil/Finanç as & Mercados - Pág. 2)(The New York Times)



É isso meus queridos amigos!

Um grande abraço e até logo mais,

Ricardo

sexta-feira, novembro 21, 2008

A gente tenta mais não dá!!!

Amigos dessa tão desesperadora jornada,

Pois é, temos tentado nos manter um pouco longe do stress da ansiedade, tanto que quase não temos postado muito e também temos tentado não pensar muito no pedido dos exames médicos que estamos D E S E S P E R A D A M E N T E esperando! Meio contraditório a frase mas é isso.
Hoje tive o maior susto quando a minha enteada chegou do trabalho com as correspondências na mão e disse: "Gente, tem correspondência do Canadá aqui!" Ahhhhhh!!! quase morremos do coração e eu corri pra pegar o envelope, mas não era um envelope do Consulado Canadense, não! Era o cartão do Aeroplan da Ro que chegou hoje, cacilda!




Então não adianta a gente tentar disfarçar, não dá, como o nosso amigo Homer Simpson nós estamos aflitos e ansiosos, mesmo sabendo que nosso prazo para receber os pedidos termina em 26/12/2008 a gente quer muito estar com isso nas mãos, afinal de contas esse será o ínicio da reta final do nosso processo!
Bom, enquanto isso nos preparamos para esse Natal com a família, esse que acreditamos seja o último Natal antes de nossa viagem para o Canadá, de coração esperamos que o próximo já seja em terras Canadenses, se Deus quiser.
Estamos aí, nessa angustia, entretanto firmes como pregos na areia e fortes como gelatina, hahaha!
Um grande beijo à todos amigos que estão e também aos que não estão na mesma situação que a nossa!
Tchau!
Ri e Ro

terça-feira, novembro 04, 2008

O Carrasco da Vez!!

Olá amigos de Jornada,

Há alguns dias começou a última rodada de entrevistas do ano de 2008 e aquilo que para muitos era um sonho acabou se tornando um pesadelo, pois é!

Quem não se lembra de um entrevistador chamado Carl Teixeira? Ele, na época, foi tido por muitos como um carrasco devido sua "frieza" nas entrevistas, entretanto apesar dessa "frieza" toda ele era profissional e avaliava os itens de acordo com os moldes do Escritório de Imigração do Québec e de uma forma ou de outra seguiu o que os outros entrevistadores vinham fazendo.
Pois então amigos, diante do novo entrevistador o nosso carrasco Carl Teixeira fica mais categorizado como "bravinho" e não como carrasco.
M.Eddie Alcide (rsrsrs!!)



O carrasco da vez é o M. Eddie Alcide que é um Haitiano naturalizado Canadense, opa Quebecois, e que por isso mesmo, por ser um imigrante deveria ser mais humano na seleção. Os relatos que tenho acompanhado no Yahoo Groups de Imigração, no grupo da École Québec e também na Comunidade Brasil Québec, têm sido realmente assustadores, entrevistas sendo realizadas em dois tempos, isso mesmo, uma mesma pessoa entrevistada duas vezes no mesmo dia, pode isso?
É uma pena que isso esteja acontecendo, pois muitas pessoas vêm preparando seu projeto de vida, investindo tempo, dinheiros e esperanças nessa entrevista, ao ouvir esses relatos é de fato muito desanimador, pois os que já obtiveram seus "CSQs" sabem muito bem como é estressante toda a tragetória até o objetivo final, não é mesmo?
Nessas horas é que penso como nós aqui em casa fomos abençoados tendo o M. Daniel LeBlanc como entrevistador, foi tudo tão tranquilo apesar do estresse natural da situação, mas ele foi tão legal e nos deixou tão à vontade que de fato isso colaborou demais para que fossemos aprovados na entrevista.
Ao que parece o pessoal está preparando uma carta reclamação para enviar ao Escritório de Imigração do Québec em São Paulo, algo que acho muito válido pois não me parece muito coerente a postura desse tal Alcide com os propósitos do Governo do Québec.
De qualquer forma desejamos à todos os que ainda irão passar pela entrevista, muita sorte e mantenham a calma, mostrem do que são capazes, mostrem que não estão ali para brincadeiras, mas sim num projeto de uma nova vida e que sabem o que estão fazendo!
Um grande abraço à todos.
Ricardo e Rosangela

quinta-feira, outubro 23, 2008

Imigração - Francês no Québec - Cai a obrigatoriedade antes de chegar lá?

Amigos de jornada,

A grande "paulada" do dia foi a notícia sobre a declaração da Ministra da Imigração, Yoland James, que declarou que o Québec não deve exigir que os futuros imigrantes já cheguem a Província com conhecimento da língua Francesa, mas que haverá sim incentivo para que estudem já em seu país de origem via "Francisation En Ligne" e também na Francisação já no Québec.

Essa notícia tem agitado muito os diversos fóruns sobre imigração e dividido muito as opiniões em relação a essa possível alteração no processo de imigração.


A ministra da Imigração, Yolande James

Abaixo segue o link da notícia veiculada pela Cyberpresse, confiram e tirem suas próprias conclusões.


Particularmente acho estranho essa medida, me parece uma atitude meio desesperada para não "perder" imigrantes na Província. Acho também que isso acarretará numa maior demora aos imigrantes para entrar no mercado de trabalho Quebecois e também no cotidiano da Província que é Francofóna. Por conseqüencia isso deve trazer mais custos para o governo do Québec que terá que investir ainda mais nessa empreitada para atrair novos imigrantes.

É isso amigos, vamos ver o que vai acontecer no decorrer do período, certo?

Um grande abraço e até mais,

Ricardo

quarta-feira, outubro 01, 2008

Espera...Espera...Espera...Espera...Espera...

Olá amigos de jornada,


Ficamos um bom tempo sem nada postar, não que estejamos desanimados, aliás muito pelo contrário, acho que estamos até empolgados demais e com isso nossa aflição fica num patamar avançado.
Entretanto estivemos e de certa forma ainda estamos envolvidos com algumas coisas aqui com a família, especialmente na mudança de minha irmã, estamos desde o mês de Maio/08 correndo atrás de um apartamento para ela, depois de encontrarmos passamos a fase da reforma e por fim a mudança, eu e a Rosangela ficamos responsaveis pelo projeto da reforma e a logística da mudança (nooosa q chique!!). Mas foi isso mesmo e tem sido uma fase bem legal pois saimos um pouco daquela loucura de ficar todos os dias pesquisando no e-Cas, procurando saber do time-line de outros amigos, ou seja está sendo um momento de folga para nossos ânimos, mas sem esquecer do Québec nem por um segundo sequer.
Também estão ocorrendo mudanças no meu trabalho, aliás o trabalho está literalmente mudando de lugar, com isso está uma loucura danada e minhas folgas esporádicas dos sábados agora vivaram história.

Bom, não é nunhuma novidade que esse processo é todo feito de espera, muita espera, aliás nós estamos vivenciando isso, assim como muitos amigos nossos. Nessas horas me lembro de uma música do skank que em determinado momento diz: "...a espera arde sem me aquecer...", e é bem verdade mesmo.

O importante mesmo é que estamos otimistas e aos poucos nos preparando psicologicamente para essa mudança tão importante em nossas vidas.

Pois é amigos, por enquanto é isso, mas estamos ligados no movimento e atentos às informações.

Um grande abraço à todos e até mais!


Ricardo e Rosangela

quarta-feira, agosto 20, 2008

Enquanto o tempo vai passando...

Amigos de jornada,


Durante esse tempo em que, agora, estamos esperando o pedido para os exames médicos parece que a "ficha" vai caindo e aos poucos vamos tomando consciência que logo vamos estar de mudança para um outro país e que há muita, mas muita coisa para ser acertada e o tempo então nos parece muito curto.
Pensar na compra das passagens, no que vamos e o que não vamos levar, quando vamos arrumar um inquilino para o nosso apartamento, comprar as malas adequadas, distribuir para a família as coisas que ainda são úteis mas que não poderemos levar conosco, enfim estamos "pirando na batatinha" com essas "pequenas" questões a solucionar e outras mais.


Também estamos nos programando para tentar encontrar um apartamento em Laval, pois nossos amigos queridos, Erika, Nilson e Babi (http://leslapins.wordpress.com/) estão vivendo lá e estão gostando muito do lugar, mas independente disso nós queremos ficar perto deles, afinal de contas eles são como nossa família, não são apenas conhecidos, são nossos amigos de longa data aqui do Brasil e isso com certeza fará muita diferença na nossa adaptação por lá também.
Vamos ver também se conseguimos encontrar mais pessoas que pretendem viajar na segunda quinzena de Maio/2009, pois dessa forma poderemos formar um grupo para comprar passagens com desconto e quem sabe também conseguir carregar um pouquinho mais de bagagem sem custo adicional, bem se alguém que estiver lendo se encaixa no perfil, levante a mão! rsrs!
Ah, estou fazendo a Francisation en Ligne, tem sido bem interessante e está me ajudando bastante, legal esse recurso, quero aproveitar o máximo para poder aprimorar o francês ainda aqui no Brasil pois não pretendo fazer francisação no Québec, aliás o M. Leblanc no dia da entrevista já me intimou a não participar, mas sim ir direto para o mercado detrabalho, bem, que seja assim, se Deus quiser!
Muito bem amigos, por hoje vamos parando, mas logo a gente volta, blz?
Um abraço fraternal e beijo no coração.
Ricardo e Rosangela

sexta-feira, agosto 01, 2008

Ela Chegou! A carta do Consulado!!

Amigos de Jornada,

Pois é, apesar do carimbo dos correios mostrar 22/07, somente hoje (01/08/2008) nossa carta chegou, a nossa tão esperada carta do Consulado Canadense informando a abertura do processo Federal, uau!!

Bom, com isso nosso timeline adianta mais um pouquinho, mais um passo que foi dado rumo ao nosso futuro no Canadá, que ótimo!

De acordo com a carta devemos aguardar até 26/12/2008 um novo contato do Consulado, caso isso não aconteça até esta data, então nós deveremos entrar em contato com eles.

O envelopinho de papel reciclado e a nossa cartinha.
Bem amigos blogueiros agora estamos oficialmente na fase de espera dos pedidos de exames médicos, ao que parece conseguiremos fazer nossa viagem dentro do que estamos planejando, ou seja, meados de Maio/2009, que assim seja se tiver que ser, não é mesmo?
Gente é isso por enquanto, qualquer novidade a gente conta aqui, blz?
Um abraço fraternal e um beijo nos corações.
Ricardo e Rosangela

quinta-feira, julho 17, 2008

SURVIVAL JOB - Um bom começo!

Amigos de Jornada,

Abordamos hoje um tema também muito discutido e que é dúvida para muitas pessoas, o "Survival Job", ou o emprego "Quebra-Galho", aquele que muitas vezes não tem nada a ver com sua formação ou sua experiência de trabalho, mas que de uma maneira ou de outra vai inserir você ao mercado de trabalho Canadense, fazer com que você obtenha experiência profissional e também lhe permitir conhecer de perto o mercado de trabalho e o "Canadense" em si.
Algumas pessoas têm a sorte de conseguir seu primeiro emprego no Canadá já em sua área de atuação ou formação, mas na maioria da vezes não é assim, é preciso começar e uma outra área, exercendo muitas vezes funções que não requerem formação e até mesmo experiência anterior.

É importante também ressaltar que muitas profissões necessitam uma validação no Canadá e isso as vezes leva algum tempo, mas só assim a pessoa poderá exercer sua profissão adequada aos moldes Canadenses, dessa forma ou o indivíduo passa o tempo estudando até poder trabalhar em sua área ou então recorre a ele: Survival Job.
Então, seja por qualquer motivo, muitas vezes é sim necessário pensar no "Survival Job", na verdade pensar e embarcar nesse que pode ser o trabalho que lhe abrirá as portas para o futuro, pois nesse trabalho além de ser o ínicio de seu histórico profissional, será também a oportunidade de um contato mais realístico com a sociedade, aonde poderá conhecer melhor o(s) idioma(s) falado(s) e se familiarizar aos costumes locais.
Sendo assim pesquisamos vagas nesse tipo de emprego em dois sites oficiais do Governo Canadense, o Emploi Québec (http://www.emploiquebec.net/francais/index.htm), que obviamente é focado na Província do Québec e o Job Bank Canada (http://www.jobbank.gc.ca/Intro_en.aspx), lembrando que procuramos por vagas que não exigem tanto do(s) idiomas e que requerem muito pouco ou nenhuma experiência anterior, essas vagas foram buscadas na região metropolitana de Montréal e Laval.


Vamos a algumas "vaguinhas":


Cargo: Shipper - Receiver (Fonte: Job Bank Canada)
Empresa: LES INDUSTRIES C.P.S. INC.

Recebimento e envio de suprimentos e mercadorias, identificação de itens e outras tarefas relacionadas à função.


Conhecimento exigido de Francês e Inglês: BÁSICO
Experiência requerida em cargos similares: 1 a 6 meses
Escolaridade mínima exigida

Salário oferecido: de $ 12.00 a $ 15.00 por hora - de acordo com a experiência
Carga horária: 40 horas por semana - durante o dia

Significa pelo menos $ 24,960.00 bruto por ano ou $ 20,991.00 líquido aproximadamente
($ 403.67 líquido por semana)


Cargo: Aide à la production (Fonte Emploi Québec)
Empresa: RANDSTAD - http://www.randstad.ca/

Trabalho de 4 dias por semana em uma metalurgica. Atuará no corte de metais e na operação de maquinário para acoplar o material sobre um palete. Grande produção industrial.


Conhecimento exigido de Francês e Inglês: BÁSICO
Experiência requerida em cargos similares: NENHUMA (receberá treinamento acompanhado)
Escolaridade mínima exigida: Secondaire

Salário oferecido: $ 11.75 por hora
Carga horária: 40 horas por semana - durante a tarde/noite - 4 dias por semana

Significa pelo menos $ 24,440.00 bruto por ano ou $ 20,620.00 líquido aproximadamente
($ 396.54 líquido por semana)


Cargo: Dishwashing machine attendant (Dishwasher) (Fonte: Job Bank Canada)
Empresa: BOULANGERIE PREMIÈRE MOISSON

Ajudante geral e lavador de pratos. Exercerá várias tarefas nos departamentos. Irá lavar pratos, limpeza geral e manutenção. Executar com qualidade, higiene e seguindo as normas de limpeza e segurança.

Também exercerá funções básicas de padaria, recebimento de suprimentos, armazenagem de produtos e preparação de pães e doces. Será responsável por manter limpos pias, área de produção, refrigeradores, etc.


Conhecimento exigido de Francês: BÁSICO
Conhecimento exigido de Inglês: NENHUM
Experiência requerida em cargos similares: 7 a 11 meses em função similar
Escolaridade mínima exigida: Secondaire

Salário oferecido: $ 9.20 por hora
Carga horária: 40 horas por semana - Escala de dia e horários variada

Significa pelo menos $ 19,136.00 bruto por ano ou $ 16,829.00 líquido aproximadamente
($ 323.63 líquido por semana)


Cargo: serveur/serveuse au comptoir d'un restaurant (Fonte: Emploi Québec)
Empresa: GESTION CASSINC INC. - http://mcdosources@cassinc.ca

Serviço de mesa, cozinha e café. Atender mesas, auxiliar na cozinha, cuidar da caixa registradora e recepção. Tem 50% de desconto nas refeições, local de trabalho agradavél, uniforme gratuíto.


Conhecimento exigido de Francês: BÁSICO
Conhecimento exigido de Inglês: BÁSICO
Experiência requerida em cargos similares: NENHUMA
Escolaridade mínima exigida: Secondaire (mesmo não completo)


Salário oferecido: $ 8.50 por hora + gorjetas
Carga horária: 40 horas por semana (pode variar para menos horas) - Escala de dia e horários variada
Pode chegar a $17,680.00 bruto por ano ou $15,788.00 líquido aproximadamente (**não considerando as gorjetas)
($ 303.62 líquido por semana - gorjetas não consideradas aqui também)


Cargo: restaurant cashier (Fonte: Job Bank Canada)
Empresa: 9192-2724 QUÉBEC INC.

Buscamos um caixa/ajudante de cozinha para um novo restaurante Viatnamita localizado na praça de alimentação do Place Vertu Shopping Mall.

Habilidade na comunicação e em lidar com clientela será um plus.

As tarefas pertinentes ao cargo incluem trabalhar no caixa, servir refeições, prepação de alimentos e ajuda geral na cozinha. Será provido treinamento.


Conhecimento exigido de Francês: BÁSICO
Conhecimento exigido de Inglês: BÁSICO
Experiência requerida em cargos similares: NENHUMA
Escolaridade mínima exigida: Secondaire

Salário oferecido: $ 8.50 por hora
Carga horária: de 25 a 40 horas por semana - Escala de dia e horários variada

Significa ganhos até $ 17,680.00 bruto por ano ou $ 15,788.00 líquido aproximadamente
($ 303.62 líquido por semana)


Cargo: agent/agente de sécurité (Fonte: Emploi Québec)
Empresa: SPrévention - http://www.sprevention.com/


Garantir a segurança dos clientes e empregados do estabelecimento; Efetuar rondas de monitoramento e monitoramento por camera de segurança; Responder aos chamados de urgência, como por exemplo incêndio ou primeiros-socorros.


Conhecimento exigido de Francês: BÁSICO
Conhecimento exigido de Inglês: BÁSICO
Experiência requerida em cargos similares: NENHUMA
Escolaridade mínima exigida: Secondaire

Salário oferecido: $ 12.85 a $ 17.00 por hora
Carga horária: 25 horas por semana - Escala de dia e horários variada

Significa ganhos até $ 22,100.00 bruto por ano ou $ 18,947.00 líquido aproximadamente
($ 364.37 líquido por semana)


Esses são apenas alguns exemplos bem simples que não consideram muito experiências anteriores que muitos têm e poderão utiliza-las para conseguir seu "Survival Job".

Aqui mostramos trabalhos que não exigem muita qualificação mas que com certeza farão a diferença no seu C.V. no momento em que você for procurar o seu próximo emprego no Canadá, pois já terá uma experiencia e referência profissional em solo Canadense.


Por enquanto é só isso pessoal.

Até a próxima, ok?


Um grande abraço,


Ricardo e Rosangela

terça-feira, julho 01, 2008

Para quem gosta de Carros

Amigos de Jornada,
Nas pesquisas que estamos fazendo ultimamente estamos procurando abranger primeiramente as coisas que terão mais urgência quando chegarmos ao Québec, entretanto eu sou um apaixonado por carros e como tal não poderia deixar de fazer algumas pesquisas sobre alguns modelos que sirvam como primeiro carro e outros que são mais um objeto de desejo mesmo.
Abaixo vou fazer uma pequena comparação do que se pode comprar no Canadá e qual o valor do mesmo veículo ou similar no Brasil, só pra gente ficar com mais água na boca ainda, hehe!
Primeiro modelo, na verdade carros de nomes diferentes mas similares, o Chevrolet Corsa Brasileiro e o Chevrolet Aveo, compactos, econômicos, carros populares

No Brasil, um Corsa 2 portas 1.0 ano 2001 sai por R$ 14.900,00
Fonte: WebMotors (http://www.webmotors.com.br/)



No Canadá o "primo" Aveo 4 portas 1.6 ano 2004 sai por CND 4,450.00

Fonte: Les Pac (http://www.lespac.com/)

Agora vamos para um modelo ideal para quem tem família e quer espaço para carga: DODGE ou CHRYSLER CARAVAN ou GRAND CARAVAN


No Brasil a mais barata encontrada estava por R$ 24.500,00 - ano 1998 câmbio automático com 122.000 km rodados.
Fonte: WebMotors (http://www.webmotors.com.br/)




No Canadá uma Grand Caravan (maior que a Caravan) 1999 também com câmbio automático estava custando CND 1,650.00

Fonte: Craigslist Montréal (http://montreal.en.craigslist.ca/car/)


Outra Grand Caravan no Canadá, só que 1998 também câmbio automático, estava por CND 1,199.00

Fonte: Les Pac (http://www.lespac.com/)

Passemos agora para um modelo muito famoso no Brasil e também no Canadá, o Honda Civic, um carro de manutenção barata e ótima relação custo-benefício.

No Brasil encontramos um Civic ano 2000 câmbio manual por R$ 20.750,00

Fonte: Web Motors (http://www.webmotors.com.br/)


No Canadá encontramos um Civic ano 2001 também câmbio manual por CND 6,500.00

Fonte: Craigslist (http://montreal.en.craigslist.ca/car/)


Mais um Civic no Canadá, ano 2000 e câmbio manual, sai por CND 2,995.00

Fonte: Les Pac (http://www.lespac.com/)

Bom, agora vamos passar para os "sonhos de consumo", pelo menos muita gente sonha com eles, os BMW, eu sou suspeito para falar pois sou fã de carteirinha, especialmente dos modelos da série 3 que são os que vou apresentar aqui.

No Brasil encontramos um 323 i sedã de 4 portas com câmbio manual ano 2000 pela "oferta" de
R$ 59.900,00
Fonte: Web Motors (http://www.webmotors.com.br/)



No Canadá, o primeiro pesquisado foi um 323 Ci coupé ano 2000 de 2 portas com rodas da M3 e câmbio automático pelo preço de CND 16,500.00

Fonte: Craigslist (http://montreal.en.craigslist.ca/car/)


O segundo carro encontrado no Canadá foi outro 323 Ci ano 2000 com câmbio manual, que sai pelo valor de CND 10,500.00 (Nossa que água na boca!!rsrs)

Fonte: Les Pac (http://www.lespac.com/)

Nessa outra etapa dos "sonhos de consumo" mostro o Porsche Boxter, um "carrinho" fantástico da famosa marca alemã.

Na terra Brasilis encontramos esse pequeno prodígio com ano de fabricação 2000 pelo singelo valor de R$ 187.000,00
Fonte: Web Motors (http://www.webmotos.com.br/)



No Canadá o primeiro que encontrei, ano 2002, estava saindo por CND 18,400.00 (Dezoito mil e quatrocentos dólares canadenses), não o preço não está errado!

Fonte: Les Pac (http://www.lespac.com/)


Mais um no Canadá de ano 2002, só que com o preço um pouco mais "salgado" (o que?), estava sendo oferecido por CND 26,995.00

Fonte: Craigslist (http://montreal.en.craigslist.ca/car/)



Para encerrar essa pesquisa automotiva, continuo na marca Porsche, só que um carro mais família, para aqueles que não querem abrir mão de um carro espaçoso para a família e ao mesmo tempo esportivo para o motorista, a Cayenne.

No Brasil, uma Cayenne S ano 2005 estava custando R$ 225.000,00 (não blindada)
Fonte: Web Motors (http://www.webmotors.com.br/)



A primeira pesquisada no Canadá foi uma Cayenne S ano 2004 por CND 32,995.00

Fonte: Les Pac (http://www.lespac.com/)


A nossa última Cayenne S ano 2004 também, estava sendo oferecida por CND 33,900.00

Fonte: Craigslist (http://montreal.en.craigslist.ca/car/)


Gostaria de lembrar a todos que essa foi uma pesquisa bem simples, mas que entretanto mostra a diferença de valores de bens que para nós no Brasil são mais um investimento do que de consumo.
Aqui não mostrei os valores de seguro e também de gastos com manutenção que todos sabem no Brasil são mais elevados.
Entretanto quem quiser fazer uma cotação de seguro para os carros no Canadá pode fazê-lo on-line nesse site: https://www.kanetix.ca/
Também pode-se obter algumas informações sobre seguros no site: http://www.infoinsurance.ca/en/automobile/policy.aspx
Para saber quanto custam peças de reposição de seu futuro ou atual veículo no Canadá, visite o AutoParts Way no site: http://www.autopartsway.ca/index.cfm é um site bem completo e dá para se ter uma idéia bem realística de quanto custam peças de reposição e itens como pastilhas e discos de freios, amortecedores, peças de motor, etc.
E por fim, saiba quanto está custando o litro de gasolina ou diesel em todo o Canadá, através do site oficial do governo Canadense: http://infocarburant.rncan.gc.ca/index_e.cfm
Com estas informações fica mais fácil programar a compra do primeiro automóvel ou então planejar a troca do seu atual, ok?
Um grande abraço e até logo mais,
Ricardo

sexta-feira, junho 27, 2008

OFICIALMENTE INICIADO: PARTE FEDERAL

Amigos de Jornada,
Eis que finalmente conseguimos levar pessoalmente nossos documentos pertinentes a parte Federal do processo de imigração, isso mesmo fomos diretamente ao Consulado Canadense para amenizar pelo menos essa espera, a do envelope chegar no Consulado.
O horário de entrega para esse tipo de propósito é de Segunda à Quinta-feira das 9:30 às 11:00hs e há um guichê exclusivo para assuntos de imigração, não é necessário enfrentar a fila de quem está pedindo visto de turismo e outros, que bom.
Bom, pelo menos dessa vez conseguimos cumprir nosso cronograma de entregar os documentos no máximo até o mês de junho/2008, era para ter sido entregue semana passada mas ao verificarmos nossas fotos atentamente percebemos um problema quanto ao fundo que não estava própriamente branco, então voltamos a ótica para que fossem refeitas de acordo com o que pedimos, isso levou um pouco mais de tempo do que pensávamos e com isso só conseguimos entregar nosso precioso envelope nessa última quinta-feira dia 26/06, graças à DEUS.
É muito bom estar iniciando mais essa etapa e também agora entramos em uma nova fase de espera, dessa vez pelo pedido dos exames médicos, enfim esperar é um verbo constante nesse processo de imigração, mas tudo bem não é mesmo?
Agora estamos num momento mais de preparação, direcionando bem nosso foco na questão da viagem, preparativos como alugar o nosso apartamento aqui de SP, planejar a venda do carro (snif!!), o que vai conosco e o que não vai, melhorar ainda mais o Francês para que aumente nossas chances ao chegar em Montréal, enfim agora nos tornamos perfeitas pilhas de ansiedade, todos nós, até mesmo meus enteados que a princípio não os senti muito animados, agora estão perguntando sempre sobre quando vamos viajar, como vai ser lá, etc.
Pois é, nesse momento somos uma família em preparação para uma mudança radical em nossas vidas, em todos os aspectos, mas que com certeza será crescimento para todos nós!
É isso hoje gente!
Um grande abraço e até logo mais,
Ricardo

domingo, junho 15, 2008

Processo Federal: Iniciando uma nova etapa

Amigos de Jornada,
Pois bem, eis que finalmente vamos poder iniciar a parte Federal do processo de imigração, o que me atrasou um pouco foi a demora no ter recebido os atestados de antecedentes criminais do Estado de Massachusetts nos Estados Unidos.
Eu pensei que o do FBI fosse demorar mais, houve até um problema no momento de efetuar o débito no cartão de crédito, mas mesmo assim o atestado de Massachusetts bateu o recorde de nos fazer esperar, mas agora é passado, o importante é que tudo saiu bem até aqui.
É sempre emocionante passar por cada etapa, vislumbrar um horizonte que cada vez mais se aproxima de nós, agora, aos poucos a ficha começa a cair, começamos a perceber que a coisa está mais próxima do que imaginamos, e ai vem aquele velho nosso conhecido, o frio na barriga.
Nessa preparação e busca de documentos para iniciar o processo Federal passamos por algumas situações que gostaríamos de deixar aqui registrado para que outros não tenham que passar pelos mesmos perrengues, ou pelo menos estejam preparados para encarar essas chateações.
Sendo assim abaixo vai a lista do que precisamos e como aconteceu:
Antecedentes Criminais FBI e Massachusetts (para quem morou nos Estados Unidos)
O melhor conselho à ser dado para os dois casos, peça com o máximo de antecedência possível, mesmo que você ainda nem tenha passado pela entrevista do Québec, peça esses documentos, pois uma vez que você não mora mais no país de emissão, eles não terão prazo de validade e posso garantir que ambos levam um tempo bem longo para chegar ao Brasil.
Atestados de Antecedentes da Polícia Federal
Gente, é inacreditável como a PF é um orgão extremamente burocráta e sem comunicação com seus próprios departamentos internos, então tudo que você precisa fazer lá em relação ao atestado de antecedente, verifique no site os procedimentos, se tiver dúvidas mande um e-mail ao "Fale Conosco" e imprima a resposta que te enviarem para no dia que você for até a PF você possa provar que aquilo que você está fazendo foi instruído por "eles" mesmos.
No nosso caso como somos eu (Ricardo), a Ro, a Fernanda e o Filipe, mandei um e-mail perguntando se era necessário todos irem até a PF para solicitar o atestado ou se eu poderia solicitar por todos. Recebi uma resposta dizendo que desde que eu levasse as cópias dos "RGs" de todos, eu poderia fazer a solicitação sozinho.
Mas quando cheguei na PF para entregar os pedidos, adivinhem! Alguém me perguntou: "Aonde estão as outras 3 pessoas?" Então expliquei que estava seguindo uma instrução da PF mesmo, mas a pessoa disse que não podia receber pois era necessário que todos estivessem presentes ou eu tivesse uma procuração legal para representar todos. Foi ai que saquei o e-mail que recebi do "Fale Conosco", ai a pessoa ficou com uma cara de p... da vida e mesmo a muito contra gosto teve que receber os pedidos entregues por mim somente.
Para retirar o horário seria somente à partir do meio-dia, então mandei outro e-mail explicando que meus enteados trabalham e que não poderiam ir retirar em tal horário, perguntei se eu poderia retirar por eles, ou a mãe deles, ou ainda se eles poderiam retirar no primeiro horário do dia. A resposta que tive por e-mail foi de que eles poderiam retirar à partir da 8 da manhã, então novamente imprimi o que me mandaram e no dia de retirar fomos os quatro buscar nossos atestados, mas a pessoa não queria entregar pois não era permitido naquele horário, somente seria permitido à partir do meio-dia. De novo saquei o e-mail, de novo uma cara de "bumbum" me olhou e pediu que todos esperássemos para ver se seria possível me atender. Para resumir, a Fernanda e o Filipe tiveram que ir embora para trabalhar e eu tive que esperar até quase as 13:00 horas para então conseguir retirar os atestados, mas sempre sendo alertado de aquilo tinha sido uma excessão pois não era o procedimento correto, como se fosse minha culpa a incompetência deles, fala sério.
Atestados de Antecedentes via Poupa-Tempo
Parabéns ao Governo de São Paulo, o atendimento foi E X C E L E N T E, pessoas muito educadas e preparadas para lidar com o grande movimento de pessoas que por ali passam, no nosso caso fomos ao Poupa-Tempo da Luz, especializado em RG e Atestados de Antecedentes.
Ali só houve necessidade de eu e a Rosangela irmos, pois os atestados da Fernanda e do Filipe a Ro conseguiu retirar por ser mãe deles, foi necessário fazer em duas etapas mas funcionou.
Fiquei muito impressionado positivamente pois sempre ouvi comentários muito ruins sobre esse orgão, essa foi a primeira vez que tive que usar e se precisar de novo vou faze-lo de boa.
Bem queridos, hoje é isso! Obrigado à todos que têm nos dado força e deixado recadinhos pra gente, seja no blog ou no e-mail, obrigado mesmo!
Aproveitamos também para desejar toda a sorte do mundo aos nossos amigos Erika e Nilson (http://leslapins.wordpress.com/) que já estão em Montréal, ao Flávio, Dani, João Vitor e Gabriel (http://flguti.blogspot.com/) que logo estarão embarcando, ao casal Vanessa e Murylo (http://vanemunocanada.blogspot.com/), ao amigo Thiago (http://indoparaocanada2008.blogspot.com/) que embarca hoje (15/06/2008) e todos outros que não mencionamos aqui mas que não estão de forma alguma esquecidos!
À todos um grande beijo, boa viagem e se preparem porque logo-logo nós também estaremos no Canadá, ok?
Tchau!
Ricardo e Rosangela

quinta-feira, junho 05, 2008

Nossos amigos embarcaram para Montréal!

Amigos de Jornada,

Nessa última segunda-feira dia 02/06/2008 nossos queridos amigos, Erika e Nilson (http://leslapins.wordpress.com/), embarcaram para Montréal, entretanto a filha do casal, Bárbara, ainda não foi pois está terminando o primeiro semestre do colégio, ela irá encontrar os pais em Julho/2008.

Para nós foi muito emocionante pois eles são amigos muito queridos, mesmo sabendo que dentro em breve iremos nos encontrar novamente deu um aperto no coração.

Bom, mas essa foi a primeira parte de nosso combinado que consiste no seguinte:
Eu e a Rô ficamos de acompanha-los até o aeroporto aqui em São Paulo no dia da viagem para Montréal, eles agora ficaram com a árdua tarefa de ter que nos recepcionar lá em Montréal assim que chegarmos por lá, fato que deve acontecer até o mês de maio/2009 se tudo der certo.
No aeroporto foi quase tudo tranquilo, a Polícia Federal complicou um pouco as coisas na hora de carimbar a declaração de saída definitiva, então o Nilson teve que enfrentar um pouco de burocracia e falta de informação desse orgão público.
Outra coisa, um susto da hora de fazer o check-in, o rapaz que organiza a fila e entrega as etiquetas e os formulários para preencher disse que o casal estava levando malas a mais do que poderia ir e que dessa forma teriam que pagar excesso de bagagem, coisa de US$ 115.00 por volume. Mas a placa que estava bem na frente do nariz do funcionário mostrava diferente e também no site da Air Canadá a informação estava de acordo com o que a Erika e o Nilson portavam.
Bem, passado esse "perrengue" fomos tomar um último cafézinho aqui no Brasil e já combinando o próximo que será em Montréal.

Abaixo as fotinhos desse tão importante dia na vida de nossos amigos queridos!

Nilson e seu pai, Babi, Erika e a Ro.
Nilson, eu, pai do Nilson, Babi e Erika

Nilson e Erika no check-in


Outra no check-in


E o momento de embarcar (tudo bem, ninguém precisa saber que essa era a entrada para vôos nacionais, mas fica valendo a foto)

Erika e Nilson, logo-logo estaremos por aí também, ok? Um beijo muito grande à vocês e parabéns!


Ricardo e Rosangela

sexta-feira, maio 16, 2008

Antecedentes Criminais, uma história a parte!

Amigos de jornada,

Resolvi dedicar um post a essa parte especificamente pois descobri que é uma parte do processo aonde muita gente encontra dificuldades, mais ainda quando se trata de quem já viveu fora do país por algum tempo e precisa de antecedentes criminais do lugar aonde viveu.

No meu caso vivi nos Estados Unidos, em Massachusetts, por isso vou descrever aqui os passos que tomei para conseguir meus atestados desse país.
Mas vamos começar pelas certidões que são necessárias tirar aqui no Brasil, para cada uma das pessoas no processo:
A única certidão que é válida online é a Certidão de Distribuição Ações e Execuções Cíveis, Criminais e Fiscais. No próprio site da Justiça Federal você consegue imprimir:
http://www.jfsp.gov.br/certidao_online.htm
Confirmamos junto ao Consulado do Canadá para saber se de fato esta seria a única certidão aceita emitida online, a resposta foi positiva, entretanto as demais têm de ser as emitidas pelos devidos orgãos responsaveis.
A Certidão de Antecedentes Criminais do Estado de sua residência deve ser emitida pelo próprio órgão ou no caso de São Paulo pode-se retirar no Poupa-Tempo.
A Certidão de Antecedentes Criminais deve ser retirada no posto Policia Federal mais próximo de sua casa. É necessário preencher um formulário online no próprio site da PF:
(http://www.dpf.gov.br/web/formulario/form_antcriminais.htm).
Leve esse formulário impresso juntamente com uma cópia do RG de cada uma das pessoas que irão solicitar as certidões, na hora lhe será informado o prazo para que você retire o documento.
Agora para os amigos que como eu moraram nos Estados Unidos, é necessário providenciar uma certidão emitida pelo FBI, na verdade não é bem uma certidão, é uma checagem que eles fazem através do formulário que a pessoa mesmo envia, aonde eles caribam um "nada consta" e te retornam.
É necessário também solicitar a certidão emitida pelo Estado que você morou, como morei em Boston, tive que solicitar através do Estado de Massachusetts, essa Estadual é um pouco mais complicada que a do FBI, pelo menos no tocante ao pagamento e envio, falo por Massachusetts.
Bom, vamos começar pelos procedimentos para solicitar ao FBI:
Leia atentamente as instruções, clique no link 1. Complete cover letter. para que você preencha a carta com a justificativa do pedido da certidão. O link está em PDF ativo, dessa forma você pode preencher online e imprimir direto na sua impressora.
Depois acesse o link standard fingerprint form para que você possa imprimir o formulário aonde você deverá estampar com suas impressões digitais.
Tenho visto em vários foruns sobre imigração muita gente inventando mil e uma coisas e mitos sobre colher as digitais, gente é muito simples, vá até um posto da Polícia Federal, não é necessário agendar, telefonar, nada disso, vá direto ao posto e leve consigo o formulário que você imprimiu no site do FBI, procure o setor de imigrantes ou Interpol, então vá até a seção de identificação, explique ao funcionário o que você precisa e a pessoa irá colher suas digitais sem lhe cobrar nada e sem lhe perguntar nada e ainda irá assinar e carimbar o formulário para que você possa enviar aos Estados Unidos, é assim simples.
Por último clique no link credit card e preencha com as informações do seu cartão de crédito internacional, o valor é de US 18,00 (Dezoito dolares americanos). Um detalhe muito importante, no formulário eles não pedem o código de segurança do cartão, mas eu pessoalmente aconselho a colocar o código nem que seja num papel a parte, pois a primeira vez que fiz, não enviei o código e eles não conseguiram proceder o débito, só depois que enviei outra vez o formulário do cartão com o código num papel a parte, é que eles conseguiram efetuar o débito no cartão.
Outra coisa, se você não tem cartão de crédito internacional pode utilizar o de outra pessoa, mas terá que informar os dados dessa pessoa, fazer com que ela assine o formulário e reconhecer firma no espaço destinado ao Notary Public. Eu liguei no FBI e eles me informaram que eu poderia utilizar um cartório Brasileiro sem problemas e sem necessidade de traduzir para o inglês nem ter de ir ao Consulado Americano para que alguém lá fizesse esse procedimento, tanto é verdade que já estou com o meu nada consta em mãos.
Com todos os formulários preenchidos você deve enviar o envelope para o seguinte endereço:
FBI CJIS Division – Record Request
1000 Custer Hollow Road
Clarksburg, West Virginia 26306 USA
Em aproximadamente dois meses você receberá seu documento de volta com o carimbo do FBI dizendo que "nada consta", pelo menos no meu deu "nada consta" rsrs!
Agora para solicitar a Certidão do Estado de Massachusetts é um pouco mais complexo, pois não se pode utilizar cartão de crédito para o pagamento da taxa de US$ 25,00 - é necessário fazer uma "money order" além de haver a necessidade de enviar juntamente um envelope que tenha selos para que eles enviem o documento pelo correio para você. Agora como comprar selos Americanos e no valor correto aqui no Brasil? Eu não sei como fazer isso, graças a um amigão meu que mora nos Estados Unidos pude fazer a minha solicitação sem maiores problemas.
Também precisei reconhecer firma da minha assinatura no formulário que preenchi para Massachusetts, reconheci aqui no Brasil mesmo, pois segundo informações concedidas pelo próprio orgão em Boston, esse reconhecimento teria validade lá também, sem necessidade de traduzir para o Inglês.
Automaticamente abrirá a folha que você deve preencher e enviar para Massachusetts, na própria folha consta o endereço para efetuar a "money order" e também o endereço para envio do documento juntamente com o envelope selado e já com o endereço de onde quer que seja enviado a sua certidão.
Ajudará muito se você tiver alguém nos Estados Unidos para te ajudar nessa etapa, caso contrário ligue no telefone do órgão público reponsavél e veja como proceder.
Na foto abaixo, do tempo em que eu morava nos EUA, o cara do meio sou eu, ao meu lado esquerdo está o meu grande amigo Renato que me ajudou muito na etapa para conseguir minha certidão de Massachusetts, valeu Renatinho, quem tem amigos não morre pagão!

Abaixo disponibilizo a lista dos Departamentos de Justiça de cada um dos Estados Americanos, ali constam telefones que poderão lhe ajudar no conseguir sua certidão, ok?

ALABAMA
Criminal Justice Information Center
770 Washington Ave, Suite 350 Montgomery, AL 36310
(334) 242-4900

ALASKA
Dept. of Public Safety Records Section
450 Whitter Ave, Room 103 Juneau, AK 99801-1745
(907) 465-4343

ARIZONA
Dept. of Public Safety Criminal Records
P.O. Box 6638 Phoenix, AZ 85005
(602) 223-2222

ARKANSAS
Arkansas Crime Information Center
One Capitol MallLittle Rock, AK 7220
(501) 682-2222

CALIFORNIA
Dept. of Justice Records Review Unit
P.O. Box 903417 Sacramento, CA 94203
(916) 227-3849

COLORADO
Bureau of Special Investigations
690 Kipling Street, Room 3000 Denver, CO 80215-5844
(303) 239-4222

CONNECTICUT
State Police Bureau of Identification
P.O. Box 2794 Middletown, CT 06457-9294
(860) 685-8480
DELAWARE
Bureau of Special Investigations
P.O. Box 430 Dover, DE 19903
(302) 739-5882
DIST. OF COLUMBIA
Metropolitan P.D. Criminal Records Section
300 Indiana Ave. NW MPD HQ Room 3055 Washington D.C. 20001
(202) 727-4245
FLORIDA
Dept. of Law Enforcement CJIS ServicesUSB/Public Records
PO Box 1489 Tallahassee, FL 32302
(850) 410-8109
GEORGIA
Crime Information Center
PO Box370748 Decatur, GA 30037-0748
(404) 244-2601
HAWAII
Criminal Justice Data Center
465 S. King St, Room 101 Honolulu, HI 96813
(808) 587-3100
IDAHO
Bureau of Criminal Identification
(208) 884-7130
ILLINOIS
Bureau of Identification
260 North Chicago Street
Joliet, IL 60432-4075
(815) 740-5176
INDIANA
Criminal Justice Institute
302 West Washington Street, Room E209 Indianapolis, IN 46204
(317) 232-1233
IOWA
Division of Criminal Investigation
Wallace State Office Bldg
Des Moines, IA 50319
(515) 281-5138
KANSAS
Bureau of Investigation
1620 SouthWest Tyler Street
Topeka, KS 66612-1837
(785) 296-8200
KENTUKY
Dept. of Informational Services
100 Fair Oaks Lane
Frankfort, KY 40601
(502) 564-1404
LOUISIANA
Bureau of Criminal ID & Information
265 South Foster Drive Baton Rouge, LA 70806
(225) 925-6095
MAINE
Bureau of Identification
State House Station 42, 36 Hospital Street
Augusta, ME 04330
(207) 624-7009
MARYLAND
CJIS Central Repository
1201 Reisterstown Road, Building G Pikesville, MD 21208
(410) 764-5160
MICHIGAN
CJIS Center,
General Office Building Wing 1-A 7150
Harris DriveLansing, MI 48913
(517) 322-5531
MINNESOTA
Bureau of Criminal Apprehension CJIS Section
1246 University Ave. St. Paul, MN 55104-4197
(651) 642-0670
MISSISSIPPI
Criminal Information Center
3891 Hwy 468 WestPearl, MS 39208
(601) 933-2600
MISSOURI
State Highway Patrol Criminal Records
P.O. Box 568 Jefferson City, MO 65102
(573) 526-6153
MONTANA
Dept. of Justice Identification Bureau
303 North Roberts, P.O. Box 201405 Helena, MT 59620-1405
(406) 444-2424
NEBRASKA
Criminal Justice Information Systems
P.O. Box 94907 Lincoln, NE 68509-4907
(402) 479-4938
NEVADA
Highway Patrol Records & ID Services
555 Wright Way Carson City, NV 89711-0585
(775) 687-5713
NEW HAMPSHIRE
State Police
10 Hazen Drive Concord, NH 03305
(603) 271-2538
NEW JERSEY
State Police Records and ID Section
River Road West Trenton, NJ 08628-0068
(609) 882-2000 x2311
NEW MEXICO
Dept. of Public Safety - Records
4491 Cerrillos Road Santa Fe, NM 87505
(505) 827-3375
NEW YORK
Division of Criminal Justice Services
4 Tower Place, Stuyvesant Plaza Albany, NY 12203-3764
(518) 457-2351
NORTH CAROLINA
Bureau of Investigation
P.O. Box 29500 Raleigh, NC 27626
(919) 662-4500
NORTH DAKOTA
Bureau of Criminal Investigations
P.O. Box 1054 Bismarck, ND 58502
(701) 328-5500
OHIO
Bureau of Criminal ID & Investigation
1580 State Route 56 South WestLondon, OH 43140
(614) 466-8204
OKLAHOMA
Bureau of Investigation Criminal History Unit
6600 North Harvey Place, Bldg 6, Suite 300 Oklahoma City, OK 73116
(405) 879-2689
OREGON
Oregon State Police, Unit 11
PO Box 4395 Portland, OR 97208
PENNSYLVANIA
State Police, Central Repository
1641800 Elmerton Ave Harrisburg, PA 17110
(717) 783-9973
RHODE ISLAND
Attorney General Bureau of Criminal ID
150 South Main Street Providence, RI 02903
(401) 421-5268
SOUTH CAROLINA
State Law Enforcement Division
P.O. Box 21398 Columbia, SC 29221-1398
(803) 896-7043
SOUTH DAKOTA
Attorney General Division of Criminal Invest.
500 East Capitol Ave. Pierre, SD 57501-5070
(605) 773-3331
TENNESSEE
Bureau of Investigation
1144 Foster Ave. Nashville, TN 37210
(615) 744-4000
TEXAS
Dept. of Public Safety Crime Records
5805 North Lamar Austin, TX 787
(512) 424-2079
UTAH
Bureau of Criminal Identification
P.O. Box 148280 Salt Lake City, UT 84114-8280
(801) 965-4445
VERMONT
Criminal Information Center
103 South Main Street Waterbury, VT 05671-2101
(802) 244-8727
VIRGINIA
State Police Criminal Record Exchange
P.O. Box C-85076 Richmond, VA 23261-5076
(804) 674-2070
WASHINGTON
State Patrol Criminal History Division
P.O. Box 42633 Olympia, WA 98504-2633
(360) 705-5352
WEST VIRGINIA
State Police Criminal Records
725 Jefferson Road South Charleston, WV 25309
(304) 746-2177
WISCONSIN
Crime Information Bureau
P.O. Box 2688 Madison, WI 53701-2688
(608) 266-5764
WYOMING
Division of Criminal Investigation
316 West 22nd Street Cheyenne, WY 82002
Bom amigos, é isso! Espero ter de alguma forma colaborado com alguém no tocante a certidões criminais nos Estados Unidos, certo?
Um grande abraço e até mais,
Ricardo

terça-feira, maio 06, 2008

Continuando a Jornada...

Queridos amigos de jornada,
Muito felizes pela conquista do nosso CSQ mas ainda não iniciamos oficialmente a parte federal do processo, pois é, mais uma vez os imprevistos...
Como vivi nos Estados Unidos por quase três anos, bem antes da entrevista eu já providenciei os pedidos dos atestados de antecedentes criminais do FBI e do Estado de Massachusetts, que foi aonde morei, até ai normal.
Acontece que só agora depois de muitos meses é que o FBI me mandou um e-mail informando que não foi possível efetuar o débito no cartão de crédito pois houve algum tipo de problema que eles não souberam exatamente explicar. Dessa forma me deram um prazo para que eu enviasse um novo formulário do cartão de crédito, ainda bem que não foi o das digitais, com todos os dados revisados para que tentassem novamente proceder o débito. Isso foi há mais ou menos três semanas atrás, hoje, dia 06/05/2008, é que verifiquei que o débito foi efetuado corretamente, graças à Deus, agora é esperar que o FBI me envie o envelope para que nós possamos então iniciar nosso processo federal, e tome mais ansiedade!!
Bom, num próximo post vou colocar todo o nosso passo-a-passo da parte federal, atestados de antecedente criminais no Brasil, dos Estados Unidos, valor de taxa, enfim, darei detalhes dessa outra etapa da nossa jornada Rumo ao Québec.
Um abraço fraternal e beijo nos corações, até mais!
Ricardo

segunda-feira, abril 14, 2008

Comemoração em dose dupla

Amigos dessa tão emocionante jornada,

Ontem dia 13/04/2008 tivémos um dia muito especial, ao lado de amigos mais especiais ainda.
Fomos comemorar os nossos CSQ's e os vistos da família Coelho (http://leslapins.wordpress.com/) no restaurante OutBack do Center Norte, olha foi muito legal poder compartilhar essa alegria com pessoas tão queridas, e ali foi a confirmação de nosso trato, nós vamos até o aeroporto aqui em SP para "despacha-los", e lá em Montréal eles vão nos "buscar".

Registro do "ataque a sobremesa"


Esse domingo memorável não será a última comemoração com certeza, ainda virão muitos dias lá nas terrinhas do nosso tão sonhado e querido Canadá, isso é garantido!
Valeu gente pelo ótimo dia que vocês nos proporcionaram e mais do que tudo muito obrigado por esse carinho e amizade sincera!
Beijos dos amigos,
Ricardo e Rosangela

quarta-feira, abril 09, 2008

OUI! NOUS AVONS NOTRE CSQ!!!

Relato da nossa entrevista, hoje dia 09 de abril às 09:00hs. (É grande, desculpem!)


Chegamos na Av. Luis C. Berrini por volta de 08:00hs da manhã, pois o trânsito de São Paulo é imprevisível então preferimos chegar com bastante antecedência do que chegar atrasados, fomos eu, Ricardo com 35 anos técnico em Marketing, minha companheira legal, Rosangela com 49 anos formada em Educação Física a nível superior e Técnica em Contabilidade, meus dois enteados Fernanda 21 anos e Filipe 18 anos.

Ás 08:35hs chegamos ao prédio aonde fica o Escritório do Québec e tivemos que aguardar até que alguém chegasse para que só então pudéssemos subir, isso aconteceu por volta de 08:55 mais ou menos e aguardamos até as 09:05hs quando então foi iniciada nossa entrevista, como a maioria já sabe o entrevistador foi o M. Daniel C. Leblanc que nos recebeu muito simpático.

Pois bem, entramos os quatro e nos acomodamos nas cadeiras em frente a mesa do M. Leblanc, ele começou perguntando meu nome e então começou a conferir os passaportes de cada um de nós, depois passaou às certidões de nascimento e no nosso caso conferiu a carta assinada pelo pai biológico de meus enteados informando que ele está ciente que seus filhos irão imigrar para o Québec em caratér definitivo. Depois conferiu nossa certidão de união estável e depois de trocarmos meia dúzia de palavras, ele elogiou meu Francês, fiquei bem feliz com isso.

Em seguida ele passou a conferir nossos diplomas e perguntou para mim e para a Rosangela sobre nossas formações acadêmicas, aí ele me perguntou se a Fernanda e o Filipe falavam Francês, eu disse que ainda não mas que iriam estudar ainda aqui no Brasil, então ele conferiu nossos diplomas e históricos escolares, ele se confundiu ao checar o histórico da faculdade da Ro, me disse que aquele era do colegial pois constava o nome do colégio, aí então expliquei que ali era apenas a menção da escola em que ela havia feito o colegial e então mostrei que o histórico tinha o timbre da universidade idêntico ao do Diploma, então ele sorriu e agradeceu.

Em seguida passou para a conferência das experiências de trabalho, olhou uma por uma as minhas e simultaneamente pediu para que eu explicasse meu atual trabalho, ele ia digitando no computador quase sem nos olhar de frente, então examinou bem os meus comprovantes de trabalho nos Estados Unidos, perguntou sobre o tempo que passei lá e mais uma vez elogiou meu Francês, ai eu fiquei muito mais confiante.

Fez o mesmo com a Rosangela, olhou os contratos da loja que ela teve há algum tempo atrás e pediu para que ela explicasse exatamente o que fazia lá, aproveitando a deixa mostramos fotos da loja e até do tempo em que a Ro tinha transporte escolar, ele riu e gostou de ver as fotos.

Na seqüencia pediu nossos comprovantes dos estudos de Francês, eu então apresentei a carta da nossa professora, ele examinou e me perguntou: “Se vocês dois estudam Francês há quase dois anos, por que é que o seu Francês é melhor que o da Rosangela?”. Então expliquei que há quase 10 anos atrás estudei Francês com meu avô pois eu queria trabalhar como Comissário de Bordo na Air France, aproveitei para falar que tinha o curso de Comissário e tentar mostrar meu certificado do curso, mas não surtiu muito efeito.

Então ele passou a conversar comigo em Inglês, perguntou aonde eu havia estudado o idioma, então disse que comecei aqui no Brasil e depois fiz um curso de extensão na Harvard University e em um instituto em Boston, ele me pediu os comprovantes, mostrei pra ele, aí ele disse, vamos voltar para o Francês porque eu estou meio perdido no Inglês, então rimos todos e continuamos em Francês.

Ele então perguntou a Rosangela qual era a motivação dela para ir ao Québec, ela deu uma resposta bem curta e ele então pediu para acrescentar mais, mas ela disse que era só aquilo mesmo, ele riu e então me fez a mesma pergunta, só que antes de eu responder acabamos voltando para o assunto de trabalho, ele disse que a Rosangela pode trabalhar também como administradora de loja no Québec pois sua experiência lhe permitirá. Então aproveitando a deixa comecei a mostrar então as ofertas de trabalho que pesquisamos há vários meses, tirei de uma das pastas um “mapão” de Montréal, nesse momento os olhos dele brilharam, ele simplesmente adorou e vibrou quando viu que eu havia colocado pequenas etiquetas indicando os endereços das empresas que havíamos separado e também de possíveis apartamentos, aí ele me disse, “primeiro vamos checar as ofertas de trabalho” e riu.
Me deu algumas explicações sobre dois ou três restaurantes que separei e que ofereciam vaga para gerente, um em especial ele disse que pagam bem e que eu teria grandes chances de ocupar o cargo.

Depois conferiu as ofertas da Rosangela, frisou que o setor de contabilidade está em grande demanda, aí eu mostrei nas nossas pesquisas que nós já sabíamos disso, ele ficou muito feliz.
Perguntou o que a Fernanda e o Filipe irão fazer no Québec, disse que a Fernanda quer estudar Economia na Université de Montréal e o Filipe quer fazer o curso de Mecânico de Avião, então ele disse que essa era uma escolha muito acertada, pois no Québec a demanda no setor de manutenção de aviões é muito grande e que a Bombardier está desesperada atrás de profissionais dessa área. Falou também que para a Fernanda além da U Montréal existem dezenas de outras Universidades e Faculdades aonde ela poderá fazer e que também é uma ótima escolha.

Em determinado momento eu quis fechar o mapa para não ficar ocupando espaço na mesa e ele disse para que eu o deixasse aberto, ele curtiu muito o lance do mapa. Então mostrei as etiquetinhas que apontavam possíveis apartamentos, os que eu havia separado ele achou muito longe e de difícil acesso, aconselhou a procurar um lugar mais próximo até mesmo para facilitar a vida dos futuros estudantes da casa.

Nessa altura do campeonato estávamos aflitos mas bem confiantes, eu então lembrei que não havia respondido sobre minhas motivações para ir ao Québec, ele me olhou, riu e disse “pode responder”, só que antes de terminar minha resposta ele estendeu a mão e disse a tão esperada frase: “Félicitácions, vous êtes acceptés au Québec”! Noooossssa, quase morri de alegria, eu e a Ro nos abraçamos e por pouco não choramos de alegria.

Ele parabenizou muito o nosso projeto e a organização com que ele foi apresentado e disse que o Québec precisa disso, gente preparada para vencer.

Disse que a Rosangela tem que estudar mais Francês quando chegar lá, bem como Fernanda e o Filipe, quanto a mim ele disse que eu já posso ir direto para o mercado de trabalho, pois meu Francês está excelente.

Imprimiu os nossos tão esperados CSQ’s e pediu para que conferissemos os dados, então nos entregou um exemplar do Apprendre Le Québec junto com duas folhas com sites e informações sobre o Québec.

Me disse para já ir tentando aqui do Brasil conseguir uma oferta de trabalho em Montréal e para cada possível empregador mandar uma cópia do CSQ pois assim é mais fácil de segurarem uma vaga e eu tendo essa oferta oficial em mãos meu processo federal levará bem menos tempo do que normalmente leva.

Gente, desculpem o tamanho do relato, mas acho legal ressaltar bem os detalhes para poder de alguma forma ajudar aos próximos que passarão pela entrevista.


Algumas observações que gostaríamos de fazer:

O M. Leblanc é um homem muito simpático e tem uma postura muito profissional e ao mesmo tempo descontraída, em nenhum momento nos sentimos pressionados ou desconfortáveis em falar com ele. Entretanto ele aprecia muito a organização e o projeto do futuros imigrantes, então é EXTREMAMENTE IMPORTANTE ter um projeto bem elaborado, com pesquisas impressas para que ele veja que a pessoa está de fato interessada na imigração e no Québec especificamente. O Francês foi importante também, mas mesmo que não esteja aquelas coisas ele vai considerar o conjunto, com as pesquisas e tudo mais.

A preparação para a entrevista, nós fizemos uma preparação e um simulado de entrevista na École Québec, R E C O M E N D A M O S M U I T O ! ! ! ! A Catherine elaborou algumas questões que são simplesmente tudo o que é perguntado na entrevista, e o melhor de tudo é que ela é Quebecoise, então “só” isso já faz uma grande diferença.
Mesmo que não seja na École Québec, façam um simulado, revejam possíveis erros de pronúncia e tempos verbais, é muito importante.


Gostaríamos aqui de fazer um agradecimento muito, mas muito especial mesmo para algumas pessoas que nos ajudaram demais nesse processo:

Um agradecimento especial ao meu querido avô Ricardo Cruañes Climent, que infelizmente não está mais conosco, mas que há quase dez anos atrás me disse: "Ricardinho, mesmo que você não vá trabalhar de comissário, aprenda o Francês, um dia lhe poderá ser útil"! Valeu vozão!
Nossa sobrinha e professora de Francês: Tatiana Cantu
Nossa professora de Francês: Andréia
Nossa amigona e professora de Francês: Mônica (muito obrigado, de coração!)
École Québec: Catherine e pessoal da escola, muito obrigado pela força!
Nosso amigo: Santiago Londoño que já está em Montréal
Nosso irmão de coração: Victor Dianderas que está quase lá também!
E aos nossos amigos queridos: Erika, Nilson e Babi. Obrigado pelo carinho!
Nossa amada família que tem nos apoiado sempre! Beijos à todos!
Aos amigos que por ventura não mencionamos mas que não deixam de ter grande importância nessa nossa jornada!
Comunidade Brasil Québec!! Valeu muito!!
Canadá Immigration! Aquele abraço!!
Um agradecimento à todos que passaram pelo nosso Blog e deixaram mensagem de força, obrigado mesmo!

Termino aqui esse “pequeno” relato de um capítulo tão importante de nossas vidas! E que venha agora a parte Federal!

Um beijo no coração,

Ricardo e Rosangela