segunda-feira, agosto 24, 2009

O Trabalho

Amigos de Jornada,
Hoje vou falar sobre o meu trabalho, da busca até os dias de hoje.

Bom, eu morei quase três anos em Boston e lá fui estudar e trabalhar, meu trabalho foi num restaurante, o qual era para ser apenas um trabalho temporário, entretanto virou definitivo e acabei saindo de lá como gerente, aliás o primeiro gerente brasileiro de uma corporação com mais de 150 restaurantes em todo os Estados Unidos. Com isso essa experiência veio me favorecer muito na minha pontuação do processo de imigração para o Canadá e também se tornou uma boa carta na manga para quando chegasse aqui.
Pois bem, aqui chegamos em 17 de junho e tão logo foi possível eu comecei a pesquisar trabalhos, diversos tipos, survival jobs, na área administrativa, comércio exterior, enfim fui saber a quantas andava a coisa.

Comecei então a enviar currículos para áreas as quais meu perfil se enquadrava bem, enviei meu currículo num formato ao qual acreditei estar condizente com o que o Québec queria, usei até como modelo o currículo de uma amiga que já trabalha aqui no Québec, então achei que logo teria respostas de meus envios. Doce ilusão.

Passaram-se muitos dias sem nem mesmo um retorno e eu não entendia o porque, pois as vagas as quais havia enviado estavam bem dentro de meu perfil e muitas eu até tinha mais experiência do que era exigido.

Fui então fazer a oficina de trabalho oferecida gratuitamente pelo Governo do Québec, fiz aqui em Laval mesmo no Perspective Carrière, essa foi uma decisão muito acertada, pois lá além de ficar a par da realidade do mercado local pude também enquadrar meu currículo aos moldes que o Québec realmente quer.

Bom, agora com o currículo atualizado e com novas informações em mãos estava seguro que em questão de dias encontraria um trabalho, pois quem olha os sites Job Bank Canadá e o Emploi Québec ve que tem muita oportunidade lá, além de muitos outros como Jobboom, Monster Jobs, etc.

Mas a realidade é um pouco mais cruel, especialmente quando se está numa espectativa muito grande para conseguir um trabalho devido as limitações orçamentárias!

Apesar de começar a ter retornos de algumas empresas percebi que ainda assim a coisa não estava num rítimo tão frenético quanto eu pensava. Me lembro que na entrevista do Québec o nosso entrevistador, M. LeBlanc, me disse que devido minha experiência na área e fluência no Inglês, os restaurantes praticamente me "jogariam um laço" quando eu passasse na porta, que com muita rapidez eu seria contratado. Eu acreditei piamente nisso, tanto que deixei para buscar trabalhos em restaurantes como último recurso, queria mudar de área e com isso pensei, "vou tentando na área administrativa ou comércio exterior, se não der então vou para um restaurante"!

O tempo passou, fiz umas entrevistas mas nada se concretizou, então pensei "é hora de ir aos restaurantes". Comecei a enviar currículos para vagas de Assistente de Gerente, Supervisor, Host e até mesmo garçon. Houveram retornos, mas infelizmente por aqui também acontece muito de você fazer uma entrevista e ao fim a pessoa te diz, "vamos conversar com mais algumas pessoas e então te ligamos, ok?" E mesmo que você insista em dizer que vai ligar eles dizem que não, é para aguardar e coisa e tal, só que no fim das contas ninguém liga.

Passei a visitar restaurantes diariamente e muitas vezes via placas "Nous embouchons" e até mesmo muitos lugares aonde diziam precisar com urgência, mas a urgência por aqui é muito relativa, especialmente no verão aonde muita gente está de férias.




Percebi que minha experiência numa das maiores corporações de restaurantes dos Estados Unidos não fez muita diferença por aqui, fiz entrevistas, mostrei minhas certificações, cartas de referências, provei meus conhecimentos, mas não deu certo em nenhum lugar.

Finalmente recebi um telefonema da UPS, que é maior empresa de entrega de encomendas do mundo, fiz uma entrevista por telefone em Francês e Inglês, aliás a grande maior parte foi em Inglês, aprovado fui encaminhando para fazer uma entrevista com a gerente regional de Recursos Humanos, assim o fiz e também fui aprovado segundo a gerente. Só que teria que esperar um retorno para a próxima etapa.



O tempo passou e nada de telefonema da UPS, e eu correndo atrás de outras coisas até que finalmente vi um anúncio de uma empresa no Emploi Québec que precisava com urgência de inúmeras pessoas para trabalhar em sua fábrica aqui em Laval. É uma indústria de peças de reposição automotiva, a maior da América do Norte, com diversas fábricas no Canadá, Estados Unidos e até Inglaterra.

Lá fui eu entregar o currículo cheio de esperanças, mas ao chegar lá apesar de toda minha empolgação só tive que deixar o currículo e fui dispensado, insisti perguntando se não estavam com urgência, a recepcionista disse que sim mas nesse momento só estavam recebendo e ai fariam a triagem. Foi um banho de água gelada, mais um aliás!

Entretanto três dias depois me ligaram para fazer uma entrevista pessoalmente, dessa forma no dia 11/08 fui fazer minha entrevista, na entrevista tive que apresentar minhas cartas de referência, falar de minhas experiências anteriores e explicar o porque ter escolhido o Canadá, enfim perguntas típicas de entrevista no Québec, dessa vez a entrevista foi realizada somente em Francês e me virei muito bem, então eis que finalmente tive uma ótima notícia, fui contratado.


E para qual cargo? Eu diria que não sei dizer qual exatamente é o nome do meu cargo, mas trabalho na linha de montagem de radiadores automotivos e industriais, é algo muito diferente do que já fiz até hoje em toda minha vida, não é um trabalho pesado mesmo sendo no período da noite, a empresa é muito boa, está pagando bem além de oferecer, assistência médica e odontológica para mim, a Ro, Fernanda e Filipe e também seguro de vida em grupo.


O ambiente de trabalho é muito limpo e organizado, as pessoas com as quais trabalho são muito centradas e a grande maioria tem muitos anos de casa.


A empresa é muito séria, tem uma gama de clientes muito grande e importantes dos quais inclui-se a Bombardier que frequentemente visita a fábrica.


Eu estou muito feliz com o que consegui, meu salário está bem melhor do que como gerente de restaurante seria, trabalho 40 horas por semana, tenho meu final de semana livre, na verdade assim, trabalho de domingo à quinta-feira, sempre à noite, mas acaba sendo um final de semana. Não estou ostentando nenhum cargo de elite, não sou nenhum responsável por projetos ou desenvolvimentos mirabulosos, para muita gente eu me tornei um "pião" aqui, francamente não estou nem aí para esse tipo de pensamento.

Fico feliz porque consegui uma boa remuneração e mais do que isso começo a construir minha referência profissional no Québec, experiência essa que vai alçar meu futuro profissional por aqui.


Bom gente, por enquanto é só tudo isso, mas a gente vais postando na sequencia, ok?




Um grande abraço à todos e até logo mais,




Ricardo

12 comentários:

Maiasantos disse...

Que bom que vc está feliz no seu trabalho...esse lance de posição a qual ocupa, aqui me parece nao fazer muita diferença qto ao status...o q é bem diferente de nossa cultura no Brasil. Bom inicio de vida e carreira por essas bandas canadenses! abraço
Raquel

Fabiane Camargo disse...

Fico muito feliz em saber que está contente e saiba que estamos (Fabiane e Cleber) mesmo sem nos conhecer torcendo muito por vocês.

Obrigada pelo post detalhado, isso nos ajuda muito!

Espero que as coisas só melhorem dia-a-dia para vocês.

Um gde abraço
Fabiane e Cleber

Ross e Rachel disse...

Nossa! q ótima noticia!!
Desejo boa sorte neste novo desafio.
Parabéns
Rachel

Anônimo disse...

Parabéns Ricardo!
Na minha opinião vc está mais do que certo, depois de construir um histórico aqui, tudo ficará mais fácil! O importante é comecar!
Desejo tudo de bom pra vcs!
Beijo grande!
Valéria Piceda

Harley disse...

Parabéns!!
Concordo com vc, o importante é ter um trabalho que te pague e seja apreciado, de que adiante ter status e no fim do mês não ter dinheiro.
Tenha muito orgulho do seu emprego!!

Erasmo disse...

Olá grande amigo!

Fico feliz em saber que tudo vem se encaminhando bem... precisamos nos (re)encontrar!
Um grande abraço, prosperidade sempre e desculpe a falta de contato!

Jeison e Susana disse...

É isso ai Ricardo, trabalho é trabalho.
O importante é poder pagar as contas e estar feliz, pelo seu depoimento, percebi que está feliz, e isso que importa, logo logo terá um histórico canadense e mais e mais portas se abrirão !!!

Parabéns mais uma vez..
À bientôt

Fernanda disse...

Parabéns pelo trabalho! O bom daqui é que mesmo fazendo um tipo de trabalho mais simples dá para viver bem. O começo aqui é geralmente assim, conheço poucas pessoas que já conseguiram trabalhar na área logo no início. Eu mesma estou enviando CVs para tudo quanto é tipo de vaga desde tradutora a auxiliar de produção. E aliás, não acharia ruim trabalhar na produção, pois os horários são bons para trabalhar e aí daria para usar o restante do tempo para estudar Francês :-)

Abraços e sucesso no trabalho!
Fernanda

P disse...

uau, que saga!!!
parabéns pela contratação! nada como finalmente ver $ entrar em vez de só sair, né?

bjks
p

Patinha. disse...

Desculpe nossa ausencia aqui no seu Blog..essa volta as aulas e em escola nova foi bem corrida!
Como ja lhe havia dito ao telefone,ficamos muito felizes por vcs,ter o trabalho agora no inicio dessa nova vida é fantastico,a funçao,o salario sao outros assuntos...
Parabens novamente e desejamos que se saia muitissimo bem e que ganhe muitos cartes cadeaux por desempenho!
Grande abraço em todos.
Patinha.

Caroline Campos disse...

Oi Ricardo,

Fiquei super feliz em saber que vc já conseguiu um trabablho aí no quebéc já....quanto ao cargo..na minha opinião o importante é exatamente o que vc falou...vc está construinto sua experiencia profissional no Canada...sem se importar com cargos mirabolantes...pq isso realmente não é tão essencial em determinados momentos da nossa vida...e outra tem uma grana entrando e assim a vida vai caminhando.

Grande abraço a vc e a Ro.

Carol e Renato

iRentCanada disse...

Hi, I just wanted to say thanks to iRentCanada.ca. Yesterday I was practically pulling my hair out searching through dozens of newspapers, and several online rental property website before I came across www.iRentCanada.ca. I have never seen such a great site, and so easy to use. iRentCanada has so many awesome ways to search for rental properties. Within seconds I found my new place. Their Ad detail page is so detailed, that just by reading the description, seeing the apartments on the map, and seeing usually more then 15 large photos, there was no need to run around town seeing hundreds of apartments for rent in Toronto. And you can feel confident that if it's for rent it's on iRentCanada. Long story short, thank you iRentCanada. In total it took me 5 minutes to search, find what I was looking for and even contact the landlord. A truly amazing site.